Cristão Luterano
Bem-vindo Visitante!

IMPORTANTE! LEIA!

Faça seu cadastro e tenha liberdade para ler todos os tópicos do fórum Cristão Luterano. Aproveite o cadastro para conhecer e aprender.

_________________________
crscapixaba-admin
ADMINISTRADOR





Leia as CONDIÇÕES E REGRAS do Fórum:


Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Jeremias 1.4-10
Ter Jan 29, 2013 5:23 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 4.14-21
Ter Jan 29, 2013 5:15 pm por crscapixaba-admin

» 1 Coríntios 12.1-11
Ter Jan 29, 2013 5:12 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 2.15-21
Ter Jan 29, 2013 4:58 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 3.15-17, 21-22
Ter Jan 29, 2013 4:44 pm por crscapixaba-admin

» Sofonias 3.14-20
Sex Dez 14, 2012 9:26 am por crscapixaba-admin

» 1 Tessalonicenses 3.9-13
Qua Nov 28, 2012 9:32 am por crscapixaba-admin

» Marcos 13.1-8
Ter Nov 20, 2012 10:05 am por crscapixaba-admin

» 1 Reis 17.8-16
Sex Nov 09, 2012 4:02 pm por crscapixaba-admin

Tópicos mais ativos

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 16 em Sab Mar 30, 2013 10:02 am

Amós 5.6-7. 10-15

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Amós 5.6-7. 10-15

Mensagem por crscapixaba-admin em Ter Out 16, 2012 3:34 pm

20º Domingo após Pentecostes, 14.10.2012

Amós 5:6-7. 10-15, verfasst von Jairo Menezes dos Santos


Prezada Comunidade,
O
profeta Amós viveu numa época de grandes transições históricas e
sociais. Nós também vivemos em tempos de fortes mudanças no cenário
nacional e internacional.
Amós vivia uma vida normal de criador de
ovelhas e agricultor quando foi chamado por Deus para ser profeta da
verdade e da justiça. Amós foi chamado e capacitado por Deus para fazer
um diagnóstico criterioso da vida do povo e dos governantes por volta de
750 antes de Cristo.

É surpreendente como
alguns elementos fundamentais da sociedade da época de Amós tem
paralelos com angustias e desafios de nossa geração no Brasil e no
mundo. Elementos como a desigualdade social e econômica, a exploração de
altos impostos, a corrupção em diferentes níveis de governo, a confusão
religiosa e idolatrias, a opulência e o consumismo exagerado de uma
minoria, a pobreza da maioria, o conflito entre nações, a violência nas
relações humanas são muito semelhantes ao longo da historia da
humanidade.
A percepção de Amós das ambiguidades e
contradições que marcavam sua geração, provoca uma reação profética
radical de denuncia, lamento e chamado à conversão, a mudar de
mentalidade, caráter e atitude antes que venha o grande juízo de Deus e a
destruição. Amós ergue sua voz como um leão (3:8) contra os governantes
corruptos, contra a falta de integridade do povo de Deus, contra a
religiosidade formal e estética desprovida de coerência. Amós chama ao
compromisso com Deus e com a prática da justiça nas relações humanas.

Num
outro momento da historia da humanidade, numa análise antropológica,
cultural e psicológica, o pensador Sigmund Freud em seu livro de 1930,
intitulado: "O mal estar da cultura ", nas primeiras linhas do livro
apresenta um diagnóstico certeiro: "No lugar dos valores da vida, se
preferiu o poder, o sucesso e a riqueza buscados por si mesmo". Nos
últimos 80 anos este diagnóstico de Freud tornou-se cada vez mais
pertinente. Paralelo ao fascinante progresso tecno-científico em todas
as áreas da vida, também a sociedade de hoje vivencia a ambiguidade da
tecnologia a serviço da indústria bélica que só no século 20 provocou a
morte de mais de 200 milhões de pessoas em vários conflitos entre os
povos.

Os lamentos de Amós e as denúncias da
injustiça podem soar em nossos ouvidos como o rugir de leões, para que a
sociedade e a Igreja Cristã acordem de seu processo de apatia profética
e liberte-se das amarras da cultura neoliberal que tem anestesiado
muitas consciências e impedido o indignar-se com formas de injustiça
social e idolatria religiosa de nosso tempo.

Na
tentativa de atualizar alguns lamentos denunciados na profecia de Amós
para a sociedade pós-moderna no Brasil poderíamos indicar algumas
contradições. Somos obrigados a:
Lamentar mais de
40 mil mortes por ano em acidentes nas estradas mal conservadas, e no
caótico trânsito gerado pela imprudência humana, bem como abuso do
álcool dos motoristas irresponsáveis neste Brasil.

Lamentar
a escravidão de dois milhões de pessoas dominadas pelas drogas e pela
famigerada publicidade e incentivo ao alcoolismo que tornou a juventude
brasileira a mais bêbada da América Latina.

Lamentar
as mais de 15 milhões de pessoas vivendo abaixo da linha de pobreza num
país que se orgulha em ser a 6ª economia do mundo.
Lamentar
a má distribuição de renda onde um operário humilde tem um salário de
menos de 700 reais por mês, e altos funcionários de governo e mesmo uma
telefonista de deputado ou senador chega a ganhar mais de 25 mil por
mês.

Lamentar que um ex-ministro da justiça do
governo Lula, foi contratado por 20 milhões de reais para defender um
banqueiro corrupto que estava a serviço da quadrilha do mensalão (que
corrompeu políticos, empresários e até mesmo diretores de Bancos
estatais no primeiro ano do governo Lula).

Lamentar
o crescente número de falsos profetas, arautos da teologia da
prosperidade com presença na mídia televisiva, iludindo e explorando a
população mais pobre com promessas de cura de todas as doenças e de
crescente prosperidade financeira.

Lamentar a
idolatria do consumismo desenfreado, da estética, do hedonismo, da
ansiedade doentia pelo aparecer e o fazer sucesso a qualquer preço sem
compromisso social, ecológico ou de responsabilidade com a vida do
planeta.

Prezados irmão e irmãs em Cristo, a
mensagem de esperança profética que temos a compartilhar em nossa
geração passa pela restauração da alma, do coração, das virtudes, no
compromisso com a integridade e a verdadeira fé. O profeta ecologista
Leonardo Boff fala da depressão, frustração e decepção que marca o nosso
tempo. Nesta linha de reflexão constata-se que a pós-modernidade tem
promovido o adoecimento dos povos.
Pessoas de diferentes classes
sociais sofrem na alma, no corpo e nos relacionamentos a depressão, a
solidão, o vazio existencial, a decepção com as ideologias, os partidos
políticos das mais variadas tendências.
Vivemos
em tempos de frustração com as promessas grandiosas de soluções do
modelo econômico neoliberal, também há desencanto com as promessas
messiânicas da tecno-ciência moderna. As crises econômicas na Europa e
nos Estados Unidos ilustram bem este desencanto. Como dizia o grande
pensador Heidegger na sua ultima entrevista ao Der Spiegel: "Só um Deus
nos poderá salvar." Com isto constata-se que as ideologias, os governos e
a ciência não conseguiram achar salvação para os graves problemas da
humanidade.

O profeta Amós deixa uma brecha
de esperança com a transformação a partir de uma mente e um coração
transformados pelo encontro com Deus. O chamado para o voltar-se para
Deus e para abraçar a prática da justiça e da misericórdias são
evidentes no capítulo 5 de Amós: nos versículos 4, 6 e 14 onde lemos o
convite: " Buscai a Deus e vivei; Buscai o bem e não o mal; aborrecei o
mal, e amai o bem, estabelecei o juízo talvez assim Deus se compadeça
...."

Trata-se de evidentes palavras de
esperança, de chamado à conversão a Deus, de mudança de caráter e de
renovação de compromisso com o bem, com a justiça e com o amor nas
relações humanas. Também nos últimos capítulos do livro deste profeta
surgem palavras de boas novas e de esperança, a exemplo de Amós 5:24,
nos termos: "Antes, corra o juízo como as águas; e a justiça como
ribeiro perene."Ou então vejamos a passagem Amós 9:11-15. Ali diz:
"Naquele dia, levantarei o tabernáculo caído de Davi, repararei as suas
brechas; e, levantando-o das suas ruínas restaurá-lo-ei..... mudarei a
sorte do meu povo de Israel; reedificarão as cidades assoladas, e nelas
habitarão, plantarão vinhas e beberão o seu vinho, farão pomares e lhes
comerão o fruto."

Nós também somos chamados a
sermos profetas da esperança, lembrando ao povo que em meio a tantos
lamentos na sociedade, servimos ao Deus da esperança (Romanos 15:13),
que enviou seu filho Jesus Cristo para trazer vida plena, vida em
abundância (João 10:10). Somos chamados a sermos Comunidade de fé e de
Esperança. A vocação da Igreja e de cada cristão continua sendo a mesma:
buscar em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, sabendo que
as demais coisas necessárias para a vida digna nos serão acrescentadas
(Mateus 6:33).

Encerro com um testemunho: Há
seis meses atrás um integrante de nossa Comunidade chamado Cláudio,
pintor de paredes de moradias, com a idade de 42 anos, casado e com duas
filhas adolescentes ficou sabendo que estava com câncer no intestino. O
grupo de estudo bíblico de Casais onde Cláudio e Luciane participam
passaram a carregá-lo em oração, ajuda financeira e encaminhamento para
tratamento médico. Com ajuda do pastor Odair Braun conseguimos vaga para
tratamento de quimioterapia no Hospital Evangélico de Curitiba. A
Comunidade Luterana de Rio Negro e o grupo de casais tem sido esta
Comunidade de Fé, de Esperança e de Amor prático para abençoar a vida
desta família. Passados 4 meses de tratamento o Cláudio já está bem
melhor e agradece a Deus e à irmandade na fé com alegria por todo amor
demonstrado neste período difícil da jornada deles como família.
Oração:
Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo que nos preenche o coração com
alegria, paz e esperança pelo poder do Espírito Santo de Deus.
Amém!


P. Jairo Menezes dos Santos
Rio Negro, Paraná, Brasil
E-Mail: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.].br

_________________
crscapixaba-admin
_______________________________________
Administrador do forúm cristao-lutereno
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
crscapixaba-admin
Admin

Masculino Pontos : 1051
Reputação : 0
Data de nascimento* : 17/06/1986
Data de inscrição : 16/03/2011
Idade : 31
Residência* Residência* : Jaraguá do Sul - SC

http://cristaoluterano.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum