Cristão Luterano
Bem-vindo Visitante!

IMPORTANTE! LEIA!

Faça seu cadastro e tenha liberdade para ler todos os tópicos do fórum Cristão Luterano. Aproveite o cadastro para conhecer e aprender.

_________________________
crscapixaba-admin
ADMINISTRADOR





Leia as CONDIÇÕES E REGRAS do Fórum:


Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» Jeremias 1.4-10
Ter Jan 29, 2013 5:23 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 4.14-21
Ter Jan 29, 2013 5:15 pm por crscapixaba-admin

» 1 Coríntios 12.1-11
Ter Jan 29, 2013 5:12 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 2.15-21
Ter Jan 29, 2013 4:58 pm por crscapixaba-admin

» Lucas 3.15-17, 21-22
Ter Jan 29, 2013 4:44 pm por crscapixaba-admin

» Sofonias 3.14-20
Sex Dez 14, 2012 9:26 am por crscapixaba-admin

» 1 Tessalonicenses 3.9-13
Qua Nov 28, 2012 9:32 am por crscapixaba-admin

» Marcos 13.1-8
Ter Nov 20, 2012 10:05 am por crscapixaba-admin

» 1 Reis 17.8-16
Sex Nov 09, 2012 4:02 pm por crscapixaba-admin

Tópicos mais ativos

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 16 em Sab Mar 30, 2013 10:02 am

João 6.35, 41-51 - Dia dos Pais

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

João 6.35, 41-51 - Dia dos Pais

Mensagem por crscapixaba-admin em Sex Ago 24, 2012 3:14 pm




João 6:35, 41-51 - Dia dos Pais



Que
a graça e a paz de nosso Senhor, Jesus Cristo, o amor de Deus, o Pai, e
a comunhão do Espírito Santo sejam com cada um e com cada uma de vocês.
Amém? Amém.
Prezada comunidade!
I
- Vou generalizar. Posso? Em nossa cultura não é assim que o pai, o pai
de família, se orgulha de ser o provedor da casa? É ele o responsável
em providenciar o pão de cada dia. E não é assim que é isso que as
esposas esperam dele? Mesmo que elas também trabalhem fora e dentro de
casa e, ainda, se dedicam incansavelmente aos filhos? Penso que sim.
Hoje é dia dos pais. Então vamos levantar a moral do pai.
No
termo provedor do pão de cada dia, leia-se: precisa colocar comida
dentro de casa. O que significa comida? Apenas alimentos? Ora, alimentos
são extremamente necessários para a sobrevivência de qualquer família,
de qualquer pessoa.
Os alimentos contêm o
necessário para o corpo físico. Contêm minerais, vitaminas, proteínas,
carboidratos. Sem proteínas, o corpo não consegue recuperar e construir
tecidos. É isso? Sem minerais, pessoas que abusam do álcool, por
exemplo, desenvolvem cirrose. O álcool literalmente desmineraliza a
pessoa. E a pessoa fica doente. As vitaminas? Sem elas, vêm doenças
também. O escorbuto, feridas em todo corpo, era comum em marinheiros que
passavam meses nos navios, sem comer frutas frescas e verduras. A cura
vinha pela alimentação. E, sem carboidratos (farinha, batatas, aipim,
massas, arroz), a pessoa fica sem energia. Claro, esta pregação está
longe de ser um tratado sobre a correta alimentação. Minha intenção é a
uma reflexão.
Então, são só esses os alimentos?
E
se o pai pensar que trouxe alimentos e, com isso, cumpriu totalmente a
sua tarefa? Vão faltar mais coisas. E se, em casa, não houver um
ambiente de harmonia e amor? E se não houver condições de saúde mental
nessa casa? E se o pai, por exemplo, for a causa de discórdias, de
brigas e violência? E se ele não se importar com isso? Conclusão: Faz
parte do pão de cada dia, vamos dizer assim, prover um bom ambiente de
convivência e de saúde mental.
Mas, nesse raciocínio, não faltaria algo mais no pão de cada dia?
II - Talvez a resposta possa ser encontrada no texto bíblico previsto para este domingo, dia dos pais.
Certa
vez houve um sujeito chamado João. E foi esse João que sentiu uma
necessidade muito forte de registrar, de deixar por escrito uma história
de Jesus. Ele registrou o que os discípulos de Jesus e as primeiras
comunidades cristãs foram se dando conta.
João
relata o que ocorreu com o povo após Jesus ter feito a multiplicação dos
pães. Logo após este episódio, ocorreu o andar de Jesus sobre as águas.
No outro dia, o povo estava todo a procurar Jesus. É neste momento que
as pessoas encontram Jesus em Cafarnaum, ainda perto do lago. E é também
neste momento que Jesus faz esclarecimentos ao povo. Somente porque
comeram aquele pão, do milagre, não significava que já teriam tudo o que
necessitavam. Jesus esclarece que veio para mais do que trazer comida
que se estraga. Ele veio trazer a comida que dura para a vida eterna.
Vamos ouvir o que Jesus disse?
Leitura de João 6. 35, 41 - 51.
Jesus
é o pão da vida. É aquele que veio em nome de Deus para que nunca mais
tenha fome aquele que comer do pão da vida. Nem fome, nem sede. Em
outras palavras, é só crer em Jesus Cristo.
Mas
muitos não entenderam e começaram a criticar Jesus. Não é ele o filho de
José e Maria? Como pode Jesus dizer que desceu do céu?
João,
em seu relato, revela a associação que a primeira comunidade fez
somente anos mais tarde. Jesus estava falando da Santa Ceia. E estava
falando de muito mais. Estava falando de sua presença. Jesus se faz
presente. Alimenta. Sacia. Termina com a fome e sede da alma. Transforma
a vida de quem Nele crê.
III - Você percebe uma semelhança entre o pão que um pai traz para casa e o pão que Jesus nos dá?
Quando
os pais trazem tudo para casa, para seus filhos, trazem todo o
necessário. Esgotam-se. Esmeram-se. Doam-se por seus filhos. Por isso,
quando os filhos usufruem do esforço de seu pai, do esforço de seus
pais, "alimentam-se" deles. Ao partilharem o pão dos pais, de certa
forma partilham a vida daqueles que mantém as suas vidas.
A alegoria é semelhante à ação de Jesus. A alegoria nos ajuda a entender a ação do Salvador, Jesus Cristo.
Ele
quer mais do que apenas o alimento material para nós. Jesus quer mais
do que apenas paz na nossa mente e boas relações entre nós. Ele quer
transformação. Quer a consciência de que precisa acontecer o Reino de
Deus: salvação, paz e alimento para todos.
Voltando.
Hoje é dia dos pais. O que você quer para seus filhos? O que desejamos
nós, você e eu, para nossos filhos? Fartura? Pão à vontade? Boas
relações? Ou consciência, engajamento? Ou o sonho de um mundo onde todos
tenham o verdadeiro pão de cada dia? O pão que saciará toda a fome?
Que
nossos filhos possam ver em nós o exemplo de quem nunca se escandaliza
com a proposta de Jesus. Que, através de nosso exemplo e nossa vida de
fé, nossos filhos e filhas possam entender o que significa o Pão da
Vida.

Que em cada vez que
participarmos da Santa Ceia possamos ter a presença do Espírito Santo em
nossas vidas para que nos seja palpável a Salvação, assim como são o
pão e o vinho da Santa Ceia.
Amém.


P. Ezequiel Schacht
Novo Hamburgo, RS, Brasil
E-Mail: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

_________________
crscapixaba-admin
_______________________________________
Administrador do forúm cristao-lutereno
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
avatar
crscapixaba-admin
Admin

Masculino Pontos : 1051
Reputação : 0
Data de nascimento* : 17/06/1986
Data de inscrição : 16/03/2011
Idade : 31
Residência* Residência* : Jaraguá do Sul - SC

http://cristaoluterano.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum